5 livros para conhecer realismo fantástico

Desta vez, nossa lista de livros vem apresentar alguns títulos para quem gostaria de conhecer o realismo fantástico (e para quem já ama esta corrente artística)!

O realismo fantástico, ou realismo mágico, é um estilo artístico muito presente em várias linguagens, como a literatura, a pintura e o cinema. Tem como principal característica a inserção de acontecimentos mágicos em cenários reais e cotidianos. Na literatura, principalmente, esses elementos sobrenaturais são tratados como corriqueiros pelos personagens, que lidam com a fantasia como parte integrante da vida. 

O surgimento desse tipo de literatura deu-se, especialmente, no começo do século XX, e é característica da produção literária latino americana. Por isso, separamos nomes como Gabriel García Márquez, Isabel Allende e Silvina Ocampo para integrarem nossa seleção. Todos os títulos estão disponíveis para empréstimo e consulta na Biblioteca do CCSP! 

1 – Cem anos de solidão (Gabriel García Márquez, Colômbia, 1927-2014) 

No icônico romance de García Márquez, o autor narra a história da família Buendía, uma estirpe condenada à solidão, que aterraram suas raízes na fictícia Macondo. Ao longo da história, acompanhamos as diversas gerações da família, bem como suas relações conturbadas ao mesmo tempo que afetuosas. Paralelo a história dos Buendía, os leitores também acompanham a ascensão e queda de Macondo, o vilarejo que é por si só, personagem fundamental da história. 

2 – A casa dos espíritos (Isabel Allende, Peru, 1942) 

Em sua obra prima, Allende narra a história da junção entre as famílias Trueba e del Valle, sendo Esteban Trueba o patriarca e Clara del Valle a matriarca. A saga familiar acontece durante três gerações, em um país indefinido da América Latina, que acaba por representar muitos territórios que viveram momentos históricos semelhantes, especialmente entre as décadas de 60 e 80. 

3 – La furia y otros cuentos (Silvina Ocampo, Argentina, 1903-1993) 

Para aqueles que desejam se aventurar no espanhol, a coletânea de contos de Silvina Ocampo está disponível em idioma original! “A fúria e outros contos” reúne algumas histórias da autora argentina que traz para seus textos um teor intenso e voraz, misturando calma e horror, elegância e excesso, espaço e clausura. Em cada um dos contos uma temática nova é revelada, em contextos e situações excêntricas, com personagens singulares e uma fina crueza imaginária. 

4 – O filho de mil homens (Valter Hugo Mãe, Angola, 1971) 

Nesta envolvente saga, ambientada em um singelo vilarejo litorâneo, acompanhamos a trajetória de Crisóstomo, um homem solitário que decide adotar Camilo, um jovem órfão, e viver com Isaura, que torna-se seu grande amor. A delicadeza da narrativa está no lirismo e na poesia empregada nas tristes e duras realidades dos personagens, que constroem suas afetividades com simplicidade e sutileza. 

5 – Cadeiras proibidas (Ignácio de Loyola Brandão, Brasil, 1936) 

Em um contexto conturbado para o Brasil, Loyola Brandão reúne em sua obra, “Cadeiras proibidas”, uma série de contos que tratam de temas diversos, urgentes, proibidos e puramente humanos: o cotidiano, o mundo, as dúvidas, a descoberta, os afetos, a vida, o movimento. 

Aqui você pode acessar o catálogo eletrônico das Bibliotecas do CCSP. Nesse mesmo site você confere se os livros estão disponíveis na Biblioteca Municipal mais próxima de você! 


Texto e seleção: Tessi Ferreira

Ilustração: Tamiris Viana 

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo