Leia Mulheres – Clube de Leitura


Detalhes do Evento


Leia Mulheres é um coletivo cujo projeto é estimular a leitura, o debate e a divulgação de livros escritos por mulheres, a partir da organização de clubes de leitura e de eventos sobre literatura em livrarias, centros culturais e bibliotecas.
organizadoras do projeto: Juliana Gomes, Juliana Leuenroth e Michelle Henriques

dia 28/10
Em outubro, mês do Halloween, o Leia Mulheres traz o livro de terror Sempre vivemos no castelo, de Shirley Jackson, autora estadunidense. A obra conduz o leitor a um labirinto sombrio de medo e suspense, um livro perturbador e perverso, em que o isolamento e a neurose são trabalhados com maestria.

dia 25/11
O Leia Mulheres destaca o livro Desconstruindo Una (Becoming/Unbecoming), um quadrinho da autora Una, que explora o que significa ser uma garota crescendo na atmosfera de constrangimento, misoginia, violência e silêncio de West Yorkshire, entre 1975 e 1981. Com uma retrospectiva de sua vida, Una explora sua experiência e se pergunta se algo realmente mudou, desafiando a cultura que exige que as vítimas de violência paguem por ela.

sábados, às 16h – 120min – livre – Gibiteca Henfil
grátis – sem necessidade de retirada de ingressos

 

ENCONTROS ANTERIORES

dia 30/9
No mês de setembro, o Leia Mulheres – Clube de Leitura será o livro Tempo de boas preces, romance de estreia da autora sino-estadunidense Yiyun Li. São dez narrativas que poderiam se passar em qualquer outra parte do mundo, mas que, ao serem transportadas para a China comunista, adquirem formas e significados completamente imprevistos.

dia 26/8
Em agosto, o Leia Mulheres – Clube de Leitura aborda o livro Heroínas Negras Brasileiras em 15 Cordéis, contando com a presença da autora, Jarid Arraes. Desde 2012, a escritora tem se dedicado a desvendar as trajetórias das mulheres negras que fizeram a História do Brasil. Para torná-las acessíveis e fazer com que suas vozes fossem ouvidas, Jarid usou a linguagem poética tipicamente brasileira da literatura de cordel.

dia 22/7
Em julho, o Clube de Leitura destaca o livro O país das mulheres, da autora Gioconda Belli, poetisa e romancista nicaraguense. No romance, após sofrer atentado em praça pública, Viviana Sansón, presidenta de Fáguas, um pequeno país latino-americano, acorda na semiobscuridade de um galpão. Ali, resgatando memórias, surge o Partido da Esquerda Erótica e suas integrantes convictas de que o poder exercido pelas mulheres pode conquistar o que em séculos o poder masculino não alcançou. É um romance provocador e divertido.