Roda de Choro

dia 5/10, terça-feira
 às 20h

  • na Sala Adoniran Barbosa
  • gratuito

Para celebrar a tradição das rodas urbanas de choro, o Centro Cultural São Paulo apresenta Roda de Choro, um evento que acontece semanalmente na Sala Adoniran Barbosa. 

No dia 5/10, a roda recebe Cleber Silveira, que vai interpretar clássicos de autores contemporâneos e tradicionais como Zé Barbeiro, Altamiro Carrilho, Gaúcho, Jacob do Bandolim, Waldir Azevedo, Luiz Americano, K-Ximbinho, Sivuca, Dominguinhos, Luiz Gonzaga e Pixinguinha.

O Acordeonista será acompanhado por Wesley no violão e Rafael Toledo no pandeiro.

Os ingressos estarão disponíveis na bilheteria uma hora antes do evento. Para retirá-los, será necessário apresentar o comprovante de vacinação da primeira dose.

MINIBIO DO CONVIDADO

Cleber Silveira

Iniciou seus estudos aos sete anos de idade com o maestro Guerino Volpi e aos seus quatorze anos ingressava e tocava em regionais de música popular. Por anos acompanhou o violonista sete cordas Joca, tradicional chorão da região do ABC Paulista, bem como o Grupo Mistura Paulista, do cantor Mimi, também da região. Desde 2010 integra o Regional Tupinambá, a Gafieira na Casa, a Orquestra Fervorosa e a Bandinha Popular. Em 2011 participou como convidado especial no CD ao vivo “No salão do Barbeiro”, do violonista sete cordas Zé Barbeiro, pelo projeto Itaú Rumos. Desde 2011 atua como convidado especial no Regional do Joãozinho Tico-tico, que acompanha a cantora Inezita Barroso no programa Viola, Minha Viola, da TV Cultura. Também acompanha Inezita em seus shows. Participou o CD “Chico no Chôro” do grupo Choro Moço. Em 2012, atua com o cantor Gabriel Sater em seus shows. Também acompanhou os cantores Passoca e Yassir Chediak. Em comemoração ao centenário de nascimento do cantor Luiz Gonzaga, acompanha a cantora Anaí Rosa em show homenagem. Fez parte da banda, dirigida pelo músico Paulo Serau, que acompanhou Cauby Peixoto, Ângela Maria, Claudette Soares, entre outros, no show de lançamento da biografia de Dolores Duran escrita por Rodrigo Faour.

A programação acontecerá de acordo com os protocolos de segurança estabelecidos pelas autoridades sanitárias em prevenção à propagação do vírus da Covid 19, sendo obrigatório o uso de máscara e a manutenção do distanciamento entre os participantes.

É obrigatório o uso de máscara.

O álcool gel estará disponível no local.

Respeitar distanciamento 1,5m a 2m.

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo